TODO DIA ...É 1 TEXTO NOVO!!!

25 de nov de 2012

GRANDE BANDA MESMO!!!





Ontem no circo voador assisti maravilhado esta grande banda que já curto muito desde a década passada!!

EL EFECTO!!


Cinco caras instigados, malemolência sintática coerente e ritmos, vozes e instrumentos

diferentes musicando tudo em harmonia.

Você ouve agora El Efecto.

Em 2002, deram o primeiro acorde.

Afinados, música, pessoal e ideológicas-mentes, começaram a compor a banda:

Bruno Danton (guitarra, cavaquinho, trompete e voz),

Tomás Rosati (voz, percussão e clarinete) e Eduardo Baker (baixo).

Depois de algumas mudanças na formação,

Pablo Barroso (guitarra e voz) e Gustavo Loureiro (bateria)

também compõem a banda – que nasceu e cresceu no Rio de Janeiro

e vem ganhando espaço no cenário alternativo nacional.

Mas quem são eles?

El Efecto é plural, um remelexo no lixão da história mundial, são riffs,

é flauta, é frevo, violino, sertão,

cotidiano, cajón, cavaquinho, um batidão, tango argentino, subversão,

cúmbia, catarse, religião, interrogação, transgressão, trompete,

trapézio, blues, televisão, miséria, mazelas, pedras,

sonhos, ciclos, o caçador e a caça,

diversão de graça,fim de tarde na praça, domingo no circo,

debate, abate, minoria, poesia, utopia, movimento anti-paralisia,

as pessoas e suas (des)humanidades.

Tudo junto e harmonizado, sem perder a coerência jamais.

As letras cantam política, questões e patologias sociais,

as cirandas sem fim, ou chamam à simplicidade e à beleza do silêncio.

Com a elasticidade semântica que a língua permite,

mesmo se repetem o que já foi dito,

fazem jogos de palavras elaborados e reinventam trocadilhos e ditos populares.

Questionam preceitos, o piloto automático nosso de cada dia,

nossa tela, nossa cela, nossa solidão.

Sussurram em surround.

Vozes e vocais expressam-se em protesto contra a máquina e a maquinização.

Falam do que não (se) fala. Gritam como quem não acha nada natural a ordem das coisas.

Compartilham como podem.

No site www.elefecto.com.br,

todas as gravações da banda estão disponíveis gratuitamente para áudio e download.

Nos palcos, nada de figurinos ou cenários elaborados. A mensagem é o meio.

Liberdade de composição, um dos princípios.

O movimento é o fim.

Nas ruas, com ideias na cabeça e stencil à mão, fazem convites sutis a (re)parar, (re)pensar e (re)agir.

Como Qualquer Outra Coisa, o primeiro álbum, nasceu em 2004, seguido de Cidade das Almas Adormecidas em 2008.

O tempo passou e eles não estagnaram; em 2010 germinou o EP Novas Músicas Velhas Angústias.

Mais maduros, com dez anos completos e consolidados, novos frutos:

prelúdio à consagração da Primavera, brotam Pedras e Sonhos em setembro de 2012.

Continua...--
Por Larissa Peron


Discografia:
Formação: 

Tomás Rosati: Voz, percussão e clarinete.
Bruno Danton: Voz guitarra, trompete
Pablo Barroso: Voz e guitarra
Eduardo Baker: Baixo
Gustavo Loureiro: Bateria

           




Para o Livro de Literatura de Segundo Grau

Não leias odes, meu filho, lê horários

(dos trens, dos ônibus, dos aviões)

são mais exatos. Abre os mapas náuticos

antes que seja tarde demais. Sê vigilante, não cantes.

Chegará o dia em que eles, de novo, pregarão listas

no portão e desenharão marcas no peito daqueles que dizem

não. Aprende a ir incógnito, aprendeu mais do que eu:

a mudar de bairro, de passaporte, de rosto.

Entende da pequena traição,

da salvação suja de todos os dias. Úteis

são as encíclicas para se fazer fogo,

e os manifestos: para a manteiga e sal

dos indefesos. É precisa raiva e paciência

para se soprar nos pulmões do poder

o fino pó mortal, moído

por aqueles, que aprenderam muito,

que são exatos, por ti.

Hans Magnus Enzensberger



-- 
 Luiz Claudio Pontes dos Santos 
 SLOW DA BF-  021 -91052506

Promotor do projeto Cinema Para Todos
http://www.cinemaparatodos.rj.gov.br/site/

Membro da Universal Zulu Nation
http://www.zulunation.com/

Agente Sócio educador da Child Hope
http://www.childhope.org.br/

Membro do cineclube Mate com angu
http://matecomangu.com.br/lanofimdomundo.php

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DEIXE AQUI SUA PALAVRA TÁ??