TODO DIA ...É 1 TEXTO NOVO!!!

16 de abr de 2010

NÃO SE PODE VIVER SEM AMOR E AMIGOS EM CANNES...

Ontem fui na abertura do Iguacine e me apaixonei pelo novo filme de Jorge Durán....
Ah eu assisti ontem o propio Duran falando do filme no iguacine e ainda de quebra o grande Cacá diegues também mandou bem , falando do 5 vezes favela que esta em cannes...

Ahhhhhhhhh e dos diretores do filme , 2 são meus amigos de longa data, o Cacau que também é do mate com angu e o Vava que trampa comigo no CPT...



Ahhhhhhh e o cavi também esta em canes e é meu chapa também...noite maravilhosa ontem...



Nova Iguaçu entrou definitivamente no circuito cinematográfico. Prova incontestável: o Iguacine, festival que chega à terceira edição, norteado pelo tema “Circulando pelas Imagens” e pelo desejo de articular a produção da Baixada Fluminense com o Brasil.

O evento toma conta da cidade entre os dias 15 e 21 de abril, na Escola Livre de Cinema, em Miguel Couto, e no Espaço Silvio Monteiro, no Centro de Nova Iguaçu, com programação gratuita. O Festival conta com o apoio do CTAv.

Na abertura a atração principal foi a exibição do filme inédito "Não se pode viver sem amor", longa de Jorge Durán que passa fora de competição no Iguacine e fará sua estreia nacional em Festivais como o cine PE no fim de Abril.

Com Cauã Reymond, Simone Spoladore, Ângelo Antônio, Fabiula Nascimento e Victo Navega compondo o elenco , o filme conta a trajetória do menino Gabriel de 10 anos que anda pelas ruas do Rio de Janeiro, acompanhado de Roseli, em busca de seu pai em pleno Natal.


Além do Filme de Durán foi exibido um vídeo promocional do longa Cinco vezes Favela -Agora por nós mesmos, projeto coordenado pelo cineasta Cacá Diegues que reúne curtas-metragens de jovens realizadores vinculados aos projetos Nós do Morro, Observatório de Favelas , Cufa, AfroReggae e Cidadela.


Foram selecionados 45 curtas-metragens entre os mais de 230 inscritos. A programação contará com três mostras competitivas: a Nacional, que trará a nata da produção contemporânea de curtas-metragens, a Baixada, que, realizada na primeira edição, retorna ao festival, e a Projetos Sociais, voltada para trabalhos de natureza didática.

A cobertura completa do Festival ao vivo você acompanha no portal: www.culturani.blogspot.com (Projeto de Comunicação dos Jovens Repórteres de Nova Iguaçu).


Programação:



Dia 16 (Sexta-feira)

■09h e14h - Mostra Bairro Escola
■18h- Mostra Competitiva Baixada
■20h- Exibição do longa-metragem Alô, Alô Carnaval de Adhemar Gonzaga


Dia 17 (Sábado)

■11h - Mostra Projetos Audiovisuais
■14h, 16h e 18h - Mostra Competitiva Nacional
■20h - Exibição de Sonhos roubados, de Sandra Werneck


Dia 18 (Domingo)

■15h e 17h - Mostra Competitiva Nacional
■19h - Exibição de Cinco vezes favela 1 (1962) e noite de premiação e homenagens


Dia 19 (Segunda-feira)

Mostra Encontros Universitários:

■10h e 14h - Exibição do longa Utopia e Barbárie, de Silvio Tendler
■19h - Exibição do longa Vida de balconista, de Cavi Borges, com Mateus Solano


Dia 20 (Terça-feira)

■09h e 14h - Mostra Bairro Escola


Dia 21 (Quarta-feira)

Encerramento com curso de interpretação na Escola Livre de Cinema





Serviço:

Espaço Cultural Sylvio Monteiro

Rua Getúlio Vargas 51, Centro. Nova Iguaçu

Tel: 2667 2157

Lotação: 150 lugares



Escola Livre de Cinema de Nova Iguaçu

Rua Santos Filho 87, Miguel Couto. Nova Iguaçu.

Tel: 2886-3889






Site do festival: www.escolalivredecinemani.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DEIXE AQUI SUA PALAVRA TÁ??