TODO DIA ...É 1 TEXTO NOVO!!!

14 de fev de 2010

verdades...

Muitas vezes quando estamos esfregando um olho que está ainda com a remela da noite longa, achamos que as coisas que tememos não são tão pequeninas quanto a mente dos politicos, e damos uma grandiosidade não merecida ao nosso temor , que na verdade é apenas uma melequinha mesmo...

Por que?? Sei lá , só sei que os problemas não podem ser maiores que a soluçao dos mesmos.
Só sei que temos que ser espertos como nunca sem ese papo de lei de Gérson , mas com o papo de Gérson King Combo ...

A vida nos dá uma chance (ou várias) de encararmos de frente os medos e os problemas



Muitos ficam com medo eterno das coisas e as coisas vão ganhado terreno (feito grilheiro no Pará),ai nos vemos numa situaçao rídicula , as coisas que tememos são como Diggimons super desenvolvidos, pareçem bonequinhos e do nada se transformam em feras de 40 braços ... O que deveria ser combatido , nos combate e o combate é desleal pra cacimba... Porque o medo se torna um monstro:


Sei que podemos enfrentar qualquer coisa que nos fere até porque já dizia o Skywalker " o retorno é de Jedi" ...Só precisamos da arma certa ou da atitude apropiada para a missão quase nobre de combate ou seja temos que ter uma razão...

A minha já achei... É o amor ...O amor é minha arma pra combater essas coisas esquisitas e estranhas que surgem feito chuva de verão ou como relampago em dia de sol amarelo.

Meu conselho: "Ache seu par perfeito e seja feliz":

Estamos em pleno carnaval e pra celebrar ai vai mais uma paradinha...


Não é a dor que quero entender (essa dói e pronto),mas esse mistério de duas almas
que não se tocam no físico e têm quase uma unidade na imortalidade.
Mas é isso que quero!
Você me ama?
Você quer construir uma vida comigo?
Tem desejo e sabor?
Eu sinto que você me quer, precisa de mim, mas será que eu estarei ao nível de suas expectativas?


Eu queria uma certeza, quantas vezes vislumbrei o que seria o derradeiro e nem início era.
Quantas vezes esperei contar e só senti se afastarem e eu ficar no chão...
Eu quero a certeza do absoluto.
A afirmação positiva.


Não quero os sonhos dos loucos,nem a vontade dos sem-alma.
Eu quero a certeza da vida.
A afirmação do amor.
Não apenas um amor carnal e dirigido, mas do sentimento verdadeiro que se entranha na alma
e que não existam mágoas, que não dissolva.


Quero ter a certeza premonitória que posso mergulhar, que não encontrarei uma pedra.
Quero a certeza da luz que não se machuca nos espinhos, penetra as sombras, não se inibe no mar... Ou a certeza ou nada!


Duas almas que constróem uma estrada juntos,não sabem como esse trajeto será, mas apenas têm uma certeza quase sobre-humana que têm que construir juntas.
São vidas independentes, mas harmônicas.
São autônomas, mas responsáveis.
Consistentes no que sentem e têm a certeza do que realmente sentem.


Não é um "eu acho", "pode ser", "quem sabe","vamos tentar", "se der certo"...
É a certeza que só o verdadeiro amor tem.
Que não tem fronteiras, nem modos, um amor que não espreita, não sucumbe, nem apenas existe para satisfazer nossos pequenos egoísmos.


MEU AMOR MAIOR EU ACHEI COM CERTEZA...TE AMO PSIQUE PATRICIA BORIQUA RARA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DEIXE AQUI SUA PALAVRA TÁ??