TODO DIA ...É 1 TEXTO NOVO!!!

16 de dez de 2009

vai chegar a sua vez...

sem ter o que fazer resolvi fazer essa lista




EPITÁFIOS DE GENTE FAMOSA:

· Ai, tô morta! (Agnaldo Timóteo)

· Nelson Ned é a p... que o pariu! (Anão Zangado)

· Causa mortis: pneumonia. (Anão Atchim)

· Estou dando para os vermes o que sempre recusei aos homens... (Angélica)

· Do pró ao pó (Arnaldo Jabor)

· Caí do cavalo (Beto Carreiro)

· Isso é uma vergonha! (Bóris Casoy)

· É preciso passar o inferno a limpo. (Idem)

· Cuidado: inflamável (Boris Ieltsin)

· Alguma coisa aconteceu em meu coração (Caetano Veloso)

· Moli (Cebolinha)

· A César o que é de César: um buraco (César Maia)

· Hay que apodrecerse (Che Guevara)

· Pai, viu o que deu não afastar de mim o cálice? (Chico Buarque)

· Ohana nas alturas (Cláudia Ohana)

· Às margens do rio Piedra eu sentei e a-do-rei! (Clodovil)

· No túmulo com Danuza (Danuza Leão)

· Logo hoje que eu estava toda encaralhada, puta que me p...! (Dercy Gonçalves)

· Finalmente, não preciso fazer mais nada (Dorival Caymmi)

· Atenção, velas, flores e fotos autografadas estão à venda no estande da Igreja Universal, à direita de quem entra no cemitério (Edir Macedo)

· A Sociedade Protetora dos Animais conserva esta área (Edmundo)

· Meu nome era Enéas! (Enéas)

· Não morri, estou fazendo pós-graduação da vida (Fernando Henrique Cardoso)

· Desta vez, doeu demaaaisss! (Gal Costa)

· A complexitude do sincretizamento da afrocrença nagô com a mitologização da catolicitude, não deixa duvidanças: desencarneci. (Gilberto Gil)

· Sempre adorei criança. Malpassada (Herodes)

· Enterrem meu topete na beira do rio (Itamar Franco)

· Foi o único jeito dele pular cerca... (José Rainha)

· Foi culpa da Rede Globo (Leonel Brizola)

· Aqui jaz um malvadinho (Luiz Eduardo Magalhães)

e alguns bem legais de verdade...


"AQUI JAZ A POBRE ANA
QUE POR CAUSA DE UMA BANANA
FOI LEVADA AO DESCANSO ETERNO:
A CASCA DA COISA A MANDOU PRO INFERNO."
(Burlington)

"DESCANSE EM PAZ
ATÉ NOS ENCONTRARMOS DE NOVO."
(Colocado no túmulo do marido pela "adorável" viúva Patricia Spencer, em Edgware, 1981)

"AQUI JAZ MARTHA DIAS
QUE TINHA UM GÊNIO DIFÍCIL
E NUNCA FOI RELIGIOSA
VIVEU ATÉ OS SETENTA
E O QUE RECUSOU AOS HOMENS,
DEU AOS VERMES, PRAZEIROSA."
(Epitáfio recolhido em 1806)

"SINTO AS FLORES CRESCENDO EM CIMA DE MIM."
(últimas palavras no leito de morte de John Keats)

"ESTA LÁPIDE FOI ERGUIDA
PARA SARAH FORD
MAS NENHUMA VIRTUDE EXISTE
PARA AQUI SER LEMBRDA
NÃO, SENHOR! ESTA LÁPIDE FOI ERQUIDA
PARA MANTÊ-LA DEITADA."
(Kilmmurry)

"A VIDA É BOA."
(últimas palavras no leito de morte de Machado de Assis)

"AGORA VOU DORMIR."
(últimas palavras no leito de morte de Lord Byron)

"SETE VIÚVAS EU DEIXO
E TAMBÉM UM PEDIDO TERNO:
SE NOS ENCONTRARMOS NO CÉU
NÃO TRANSFORMEM O LUGAR NUM INFERNO."
(Tyngsbord)

"AQUI JAZ JOÃO MIRO
QUE FOI MORTO POR UM TIRO
SEU NOME NÃO É MIRO, NA VERDADE ERA
ELEUTÉRIO
MAS COMO ELEUTÉRIO NÃO RIMA COM TIRO
MIRO FICOU MUITO MELHOR NO CEMITÉRIO."
(Recolhido na Inglaterra em 1875. No original, os nomes são John Bunn e Wood, que foram mudados com certo critério: não rimam com tiro e nem com cemitério)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DEIXE AQUI SUA PALAVRA TÁ??