TODO DIA ...É 1 TEXTO NOVO!!!

11 de out de 2009

Entendedor de almas...

Poeira. Muita poeira. Nas roupas, na alma,na cabeça e no coração. Essa visão pode parecer catastrófica para quem não gosta de poeira. Não deixa de ser.

Mas para quem viaja mais de dois mil km ou até mais e busca aprender a viver e obter conhecimentos , isso é apenas o símbolo de trabalho.

Aliás, que trabalho? Essa palavra é pesada demais para quem faz as ações por prazer.

Assim é uma boa parte do que faço...

Durante o quase 1 ano de realização dos textos daqui desse blog, a palavra trabalho não se conjugava como obrigação, mas como aprendizado contínuo de dezenas de momentos e de amigos que comentam virtualmente e falam comigo na street.

Mas o que é ser realmente artísta? Difícil defini-lo em poucas palavras ou em muitas palavras. Só sabe quem faz ou é, mas posso trazer algumas definições.

Na verdade, definição é muito burocrática. Serei mais informal e mais humano, pois ser artísta é entender de alma , seu interior, frágil em estrutura mas forte em ser espelho de Deus...

Poucas vezes na vida são determinantes para que você veja realmente o que é importante. E o importante é crescer junto, respeitar as diferenças e ver que mesmo nas dificuldades cotidianas o ser humano busca construir dias melhores. Essa visão só se dá para quem sai dos livros e papeis e parte para a prática, vê e vive o momento em slow motion.

Vendo cada dia, cada texto , cada música e sua singularidade, a vontade de ensinar com os estudantes na verdade esconde a verdadeira realidade: Eu,que aprendo com cada pessoa e com cada momento.

Cada sorriso e abraço de uma criança que guarda em si a esperança do futuro. Cada olhar meio desconfiado e uma recepção acima de todas as expectativas feita por meus alunos de RAP e Grafitti.

Em cada gesto simples (que simples?), em cada conversa ao pé do ouvido e atenção dispensada por todos e, acima de tudo, não somente falar, aprender a escutar e trocar conhecimento.

Tudo isso representa um pouco do ser artísta. Passaria o dia todo nestas mal traçadas linhas na busca do definir o que quero ser e o que acho que sou, porque as palavras tentam mas não conseguem definir o real sentimento de quem vive in loco os problemas e a busca das soluções , as alegrias e tristezas , a força e a fraqueza das pessoas e de mim mesmo.

Palavra nenhuma conseguiria descrever um olhar de uma criança ou de um idoso atento ou disperso sobre tantas pessoas ou sobre meu lápis. Não compreendemos as vezes que o importante de um momento e determinante em um futuro pode ser um acalento, abraço e uma palavra confortante. A partir daí se pode continuar as ações, nas diversas áreas desde um blog até um mega-show.

O gesto de fazer palestras, oficinas e de levar a capacitação seria apenas mecânico se não tratássemos a todos e a nós mesmos como seres humanos.

A cada pessoa que participou de algo mágico (ensinando ou aprendendo) e que em seu coração agora tem um artísta ou ser humano mais "tchan nan nan" dedico meus momentos , mantenha em suas almas esse sentimento, que tomou conta de mim.

Pois com essa nova energia você fará diferença não somente na vida de outros, já que foi deixada a semente que vingará, mas a diferença se fará em vocês mesmos.

Você, eu e todos podemos modificar nossas vidas para melhor. A união começa com a frase: “todo dia É um texto novo”.

Um comentário:

  1. Que texto bonito, o final foi piegas, rsrsrs.
    Desculpe não resisti.
    Acredito que poder trabalhar nessa esfera, podendo agregar a vida das pessoas de uma forma não mecanica, é pra poucos...

    Deve realmente ser maravilhoso.

    Olha, eu não te conheço e se vc for tudo que esse blog dá a entender, realmente vc é do bem...

    A relação humana é sempre uma troca, um delei... deviamos buscar sempre as trocas sinceras e positivas.


    Abraço

    ResponderExcluir

DEIXE AQUI SUA PALAVRA TÁ??