TODO DIA ...É 1 TEXTO NOVO!!!

18 de jun de 2013

3 conceitos

Como é difícil lidar com definições que mudam ao longo do tempo abrangendo uma variedade ou subdividindo-se a partir de uma imensidão. 
Transtornos e síndromes que provocam questionamentos e rompantes de curiosidade. 
Três conceitos que objetivam a ausência de rigidez. 
Conceitos que fluem e que, de certa forma, são atravessados pela realidade temporal. 
O fascínio é inevitável; pelo conhecimento das temáticas e principalmente pela certeza de que sou apenas um grão num infindo universo.

DSM-V : Transtorno do Espectro do Autismo

Deve preencher os critérios 1, 2 e 3 abaixo:

1. Déficits clinicamente significativos e persistentes na comunicação social e nas interações sociais, manifestadas de todas as maneiras seguintes:

a. Déficits expressivos na comunicação não verbal e verbal usadas para interação social;

b. Falta de reciprocidade social;

c. Incapacidade para desenvolver e manter relacionamentos de amizade apropriados para o estágio de desenvolvimento.

2. Padrões restritos e repetitivos de comportamento, interesses e atividades, manifestados por pelo menos duas das maneiras abaixo:

a. Comportamentos motores ou verbais estereotipados, ou comportamentos sensoriais incomuns;

b. Excessiva adesão/aderência a rotinas e padrões ritualizados de comportamento;

c. Interesses restritos, fixos e intensos.

3. Os sintomas devem estar presentes no início da infância, mas podem não se manifestar completamente até que as demandas sociais excedam o limite de suas capacidades.




Síndrome de Tourette é um distúrbio neuropsiquiátrico caracterizado por tiques múltiplos, motores ou vocais, que persistem por mais de um ano e geralmente se instalam na infância.

Na maioria das vezes, os tiques são de tipos diferentes e variam no decorrer de uma semana ou de um mês para outro. Em geral, eles ocorrem em ondas, com frequência e intensidade variáveis, pioram com o estresse, são independentes dos problemas emocionais e podem estar associados a sintomas obsessivo-compulsivos (TOC) e ao distúrbio de atenção e hiperatividade (TDAH). É possível que existam fatores hereditários comuns a essas três condições. A causa do transtorno ainda é desconhecida.




Os Savant’s são conhecidos por suas habilidades expressivas e sobre-humanas. Por desventura do destino, possuem um déficit em inteligência, porém sabiamente a natureza compensa tal deficiência com uma habilidade intelectual fascinante. As habilidades dos savant’s são expressivas, fascinantes, curiosas e não passam despercebidas ao olho humano. Tais habilidades também auxiliam o jovem Savant a interagir com a sociedade, o que é de grande valia para ele, pois garante uma qualidade de vida maior, além de ser um estímulo a mais em sua vida.

No passado, os savant’s eram diretamente ligados ao autismo, sendo uma característica peculiar de alguns pacientes. Na atualidade, a ciência já provou que nem todos os autistas possuem a síndrome de Savant, e nem todos os portadores desta síndrome são autistas. Porém, é fato que a síndrome de Savant é encontrada em muitos autistas, sendo que 10% dos mesmos, possuem tal genialidade nas habilidades intelectuais. Há indícios da síndrome de savant em pacientes com retardamento mental e danos cerebrais.

A síndrome de Savant, por definição, é considerada como um distúrbio psicológico, onde há compensações em habilidades de intelecto devido a um déficit de inteligência. A genialidade proveniente de tais compensações são geralmente ligadas a uma memória fora do comum, na qual auxilia em diversos campos de atuação. Porém, juntamente a este dom intelectual, há também uma desvantagem ligada ao baixo entendimento, ou compreensão do ambiente a sua volta. Todo o entendimento sobre a síndrome ainda é um mistério, há especulações sobre danos no hemisfério esquerdo do cérebro que são compensadas por um maior desenvolvimento do hemisfério direito.

Por ser diretamente ligada ao desenvolvimento e deficiências cerebrais, a síndrome de Savant ainda é um mistério para os profissionais de psicologia e toda a equipe médica. Há muito a ser pesquisado nesta área, afim de determinar o conjunto de fatores ligados a mesma. Com o crescente desenvolvimento de técnicas de mapeamento cerebral, foi possível intensificar os estudos. Vários profissionais de psicologia fazem estudos detalhados em tal área, afim de auxiliar na pesquisa sobre tal síndrome.

As principais características ligadas ao hemisfério direito do cérebro, que são beneficiadas por savant são:
Habilidades Musicais (Inteligência Musical)
Habilidades Artísticas (Pintura, Escultura, etc.)
Matemática (cálculos matemáticos)
Metodologia de Cálculos Elaborados
Memória Intensificada

As características que sofrem danos pela deficiência do hemisfério esquerdo do cérebro são as capacidades de comunicação: habilidades de linguagem e troca de informações.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DEIXE AQUI SUA PALAVRA TÁ??