TODO DIA ...É 1 TEXTO NOVO!!!

3 de jan de 2011

é muito pra minha pobre alma!!!

Ontem descobri que o mundo é belo , mesmo quando a miragem babilonica te mostra que não é bem assim e que somos infinitos...

Não podemos acreditar nos nossos olhos o tempo todo , temos que ser que nem o Ray Charles de vez em quando...



Será que o mundo é tão ruim assim , quanto muita gente fala?


Será que não dá pra ver nada de bom no túnel do fim??



Será que não da pra ver que a esperança é igual ao Rubinho, demora mais chega??




Pensar o infinito e que talvez haja algo realmente infinito. O infinito como conceito, que pode ser delineado, aparecer em toda a sua incomensurabilidade dentro de uma certa capacidade e ignorância humana...



Porque não supor a hipótese de nosso planeta inteiro ser apenas um componente de uma única célula do corpo de um ser imensamente maior, e toda nossa galáxia ser apenas um pedaço de seu pâncreas (isso se esse tipo de vida tiver pâncreas – (risos)).



E se esse ser for ele mesmo apenas um pedaço de alguma outra coisa em um universo existencial muito maior? Por que pensar que o resto do universo esta apenas ao redor? Por que não estar dentro de tudo, e muito mais estar dentro da gente? Por que não estarmos dentro de uma bola de poeira emaranhada?

Observo a luz e penso que é infinita e não se gasta...

Olho os números um e dois na régua e sei que entre eles há uma distância decimadamente infinita...
Este é um momento em que eu gostaria de defender, como muitos já fizeram, a idéia de que tudo é possível apesar de pouco provável.

Tudo é só uma questão de tempo, e o tempo é uma questão de espaço...e o espaço é uma questão de tempo e vice e versa num loop....

Através do meu humilde blog e senso comum , só consigo concluir que isso em que vivemos, esse tempo, esse espaço, esse universo, é algo que caminha para todos os lados e se expande infinitamente.

É algo tão lindo e absurdamente maluco que é difícil para alguns aceitarem, e essa rejeição é até compreensível.

Eu procuro a simplicidade de acreditar. Acreditar ao infinito...




Deixar-se numericamente acabar por existir para sempre, para sempre e para sempre… (reticências! Meu Deus, as reticências!).



É muito para minha pobre alma...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DEIXE AQUI SUA PALAVRA TÁ??